> Área reservada a clientes

< VOLTAR

Insectos Rastejantes

Os insectos rastejantes, como as baratas, são portadores de várias doenças perigosas, incluindo salmonelas, disenteria, gastroenterite e febre tifóide. O risco é particularmente elevado em casas onde habitem crianças, idosos ou pessoas que já estejam a combater outras doenças. Os excrementos das baratas também podem causar eczema e asma. Outras fontes de grandes aflições e preocupações são as pulgas e os percevejos.

 

Siga as ligações em baixo para saber como descobrir que insectos andam pela sua casa e para saber como minimizar a possibilidade de estas pragas aparecerem no futuro. Descubra as nossas soluções de Controlo de Pragas Profissional.

Aranhas

Baratas

Formigas

Outros rastejantes

Percevejos da Cama

Pulgas

Aranhas

 

Proteger casa e família contra aranhas

 

Lidar com aranhas em casa

As aranhas raramente picam pessoas e há apenas duas espécies – a viúva negra e a solitária castanha – que são perigosas. A picada da maior parte das aranhas tem pouco ou nenhum efeito em pessoas e as restantes têm pouca importância médica.

Muitas pessoas têm um medo intrínseco de aranhas.

O certo é que as aranhas podem causar grandes angústias em casa. São atraídas por pequenos espaços quentes e escuros, como fendas nas paredes, cantos, entradas de ar e beirais de casas. Algumas espécies preferem ficar mais perto do exterior e tecem as suas teias em celeiros, jardins ou candeeiros exteriores. A maior parte das aranhas só são incómodas por causa das suas teias.

 

Aranhas

Há mais de 35.000 espécies de aranhas no mundo. As aranhas existem nos mais variados tamanhos e cores, mas reconhecem-se bem pelas suas 8 pernas. Costumam ser benéficas porque comem muitos tipos de insectos, incluindo aqueles que para nós são pragas.

Estas são algumas das espécies de aranhas mais comuns que pode encontrar na sua casa:

- Aranha Doméstica Comum – é a aranha que se encontra mais frequentemente nas casas.

- Aranha das Caves – possui pernas muito longas e estreitas e agita o corpo muito rapidamente na teia se for incomodada.

- Aranha-lobo – é grande, peluda e muitas vezes confundida com a tarântula; a envergadura das pernas pode chegar a 7,5 cm.

- Aranha de Saco – costuma ser amarela-pálida, cinzenta ou verde; é provavelmente responsável pela maior parte das picadas de aranha ocorridas dentro de casa.

 

Como manter as aranhas afastadas

As aranhas entram nas casas sobretudo no Outono, quando procuram um local quente para passar o Inverno. Há várias formas de ajudar a evitar e controlar os problemas de aranhas em sua casa:

- Aspirar o chão regularmente.

- Remover as teias que encontrar.

- Preencher as fendas e cavidades das paredes e os espaços debaixo das portas para impedir a entrada.

- Afastar os potenciais refúgios de sua casa, como pilhas de lenha e de outros materiais.

- Utilizar iluminação que seja menos atractiva para os insectos que as aranhas comem.

 

Como ver-se livre de aranhas

Muito pessoas lutam para eliminar as aranhas das suas casas com remédios de controlo de aranhas para amadores, mas os resultados não costumam ser satisfatórios. Os pequenos problemas podem tornar-se grandes e muitas pessoas só procuram os serviços de controlo de pragas profissionais quando isso acontece.

Os técnicos da Biograu são profissionais treinados e experientes – além de serem aplicadores licenciados e certificados, têm de participar em programas de formação regulares para actualizarem os seus conhecimentos. Compreendem os hábitos de cada espécie e utilizam esses conhecimentos sempre que elaboram um programa de controlo para a sua casa. E fazem-no com todo o respeito por si, pela sua casa, pela sua família e pelo seu tempo.

 

Controlo de Baratas da Biograu

 

Proteger a sua família contra baratas

As baratas são uma praga de alto risco nas casas.

São portadoras de várias doenças perigosas, incluindo salmonelas, disenteria, gastroenterite e febre tifóide.

O risco é particularmente elevado em casas onde habitem crianças, idosos ou pessoas que já estejam a combater outras doenças.

Os excrementos das baratas também podem causar eczema e asma.

Além dos riscos para a saúde, as baratas são uma das pragas mais desagradáveis que se pode ter em casa. Não só pelo seu aspecto perturbador, mas também pelo odor altamente desagradável que deixam nos alimentos e nos objectos em que tocam.

As baratas conseguem reproduzir-se rapidamente e são muito resistentes. É essencial responder rapidamente ao primeiro sinal para impedir que qualquer infestação de baratas se estabeleça ou se propague às propriedades vizinhas.

 

Sinais da presença de baratas

Existem três espécies que são habitualmente encontradas em casas:

 

Barata Alemã - 12 a 15mm

São castanhas e têm duas faixas escuras no tórax. Ambos os sexos têm asas do comprimento do corpo, que podem sobrepor-se ligeiramente, mas preferem correr e trepar.

 

Barata Oriental - 20 a 30mm

São castanhas-escuras ou pretas. As fêmeas têm asas subdesenvolvidas e os machos têm asas que lhes cobrem ¾ do comprimento do abdómen. Ambos os sexos preferem correr e trepar.

 

Barata Americana - 20 a 30mm

A barata americana é castanha-avermelhada e tem uma área amarela-pálida à volta do perímetro do pronoto (face dorsal do primeiro segmento). Estas baratas preferem locais escuros, sossegados e com bastante humidade.

 

Todas as espécies aparecem em maiores números nas cozinhas e outros locais onde existam produtos alimentares.

 

Os sinais mais típicos da presença de baratas são os seguintes:

- Presença de insectos vivos – as baratas são nocturnas e escondem-se durante o dia. É mais provável encontrá-las quando se acende a luz da cozinha durante a noite.

- Invólucros de ovos e peles mudadas – as baratas mudam de pele 5 a 8 vezes durante o seu desenvolvimento.

- Excrementos – as baratas deixam excrementos na forma de partículas pretas com menos de 1 mm de largura e comprimento variável.

- Odor – as infestações de baratas bem implantadas produzem um odor bafiento muito desagradável.

- Danos - as baratas atacam todos os produtos orgânicos, incluindo peles e livros.

 

Como manter as baratas afastadas:

A vedação de todos os pontos de entrada pode ajudar a evitar que as baratas entrem numa casa. Os pontos de maior risco são os espaços debaixo das portas e à volta de tubagens que dêem para o exterior ou para propriedades vizinhas.

Também se deve vedar todos os espaços onde as baratas possam refugiar-se. São nocturnas e refugiam-se durante o dia em fendas e cavidades das paredes, atrás de rodapés ou até atrás de tomadas eléctricas.

A forma mais eficaz de controlar as baratas é negar-lhes o acesso aos alimentos e à água.

 

- Guarde os produtos alimentares em recipientes fechados ou sacos de plástico seláveis.

- Limpe imediatamente todos os vestígios de alimentos ou líquidos que deixar cair.

- Limpe debaixo do frigorífico, fogão, etc., para remover todos os vestígios de alimentos.

- Lave imediatamente, ou arrume na máquina de lavar louça, todas as louças e todos os talheres sujos.

- À noite, guarde a comida e a água dos animais domésticos, bem com os tabuleiros das necessidades fisiológicas dos mesmos.

- Mantenha todo o lixo bem vedado em caixotes.

- Tenha cuidado com as fraldas sujas e a roupa suja.

- Não deixe líquidos na banca de cozinha ou em baldes durante a noite.

 

Nós achamos que os repelentes electromagnéticos ou ultra-sónicos não funcionam com as baratas, pelo que não os recomendamos para evitar ou controlar infestações de baratas.

 

Como ver-se livre de baratas:

Sem tratamento adequado, as baratas estabelecem-se em grandes números e propagam-se às propriedades vizinhas muito rapidamente.

A Biograu oferece vários produtos comerciais para amadores, que matam insectos como as baratas, mas uma infestação estabelecida exige geralmente um controlo de pragas profissional para garantir que não volta a ocorrer.

 

Controlo de baratas profissional

Os produtos comerciais para amadores podem servir para atacar um problema de forma imediata no seu início, mas, como as baratas são muito resistentes, pode ser necessária a intervenção de um técnico qualificado em controlo de pragas para resolver o problema a longo prazo.

Os técnicos da Biograu dispõem de vários insecticidas potentes para lidar com baratas.

 

Controlo de Formigas da Biograu

 

Lidar com formigas em casa

Embora as formigas sejam irritantes quando infestam casas, a espécie mais comum – formiga de jardim – não está associada à transmissão de doenças. De qualquer forma, porque não possível saber por onde é que as formigas andaram à procura de alimentos, o melhor é tomar medidas para evitar que elas entrem nas casas e nos armários de produtos alimentares.

 

Tipos de formigas

Há milhares de espécies de formiga diferentes, mas as mais comuns neste país são as seguintes:

 

Formiga de Jardim – as formigas obreiras medem 4 a 5 mm e a rainha pode medir até 15 mm. As rainhas põem os ovos durante a Primavera em ninhos que geralmente fazem no solo ou, menos vulgarmente, em paredes de tijolo ou debaixo da casca das árvores. A formiga de jardim é atraída por alimentos doces e liberta feromonas para marcar um percurso que lhe permite voltar ao ninho e que conduz as outras formigas às fontes de alimento.

 

Formiga Faraó – as formigas obreiras medem 1,5 a 2 mm e a rainha entre 4 e 6 mm. Tanto as obreiras como a rainha são castanhas-amareladas. A formiga faraó provém dos trópicos e necessita de calor artificial para conseguir sobreviver e reproduzir-se. É mais comum encontrá-la em grandes edifícios aquecidos, como hospitais, hotéis e blocos de apartamentos. Como esta formiga se alimenta principalmente de alimentos em decomposição, é portadora dos germes com que entra em contacto nos locais onde se alimenta

 

Formiga do Fogo - as obreiras medem 3 mm e a rainha até 6 mm. Estas formigas são castanhas-avermelhadas e vivem em colónias de 100.000 formigas ou mais. Cada colónia é liderada por uma rainha que deposita entre 150 e 200 ovos por dia. As formigas do fogo vivem em montículos de até 60 cm de altura que costumam construir em espaços abertos e soalheiros. As formigas do fogo ferretoam tanto animais como pessoas e a ferroada delas pode ser extremamente dolorosa.

 

Como manter as formigas afastadas

A maioria das formigas pretas ou de jardim apenas entra nas casas para procurar alimentos, sendo atraídas por substâncias doces ou muito viscosas. Faça o seguinte para garantir que não há alimentos disponíveis para elas em sua casa:

 

- Tape sempre os alimentos – nunca se sabe por onde andaram as formigas antes de passearem por cima dos seus alimentos!

- Limpe imediatamente todos os vestígios de alimentos ou líquidos que deixar cair.

- Limpe as áreas que ficam debaixo dos electrodomésticos de cozinha para remover todos os vestígios de alimentos.

- Certifique-se de que todos os caixotes do lixo têm tampas que os vedam bem. Mantenha todos os resíduos alimentares bem fechados ou tapados.

- Assim que os seus animais de estimação acabarem de comer, limpe tudo imediatamente para que não fiquem vestígios de alimentos.

 

Como manter as baratas afastadas:

A vedação de todos os pontos de entrada pode ajudar a evitar que as baratas entrem numa casa. Os pontos de maior risco são os espaços debaixo das portas e à volta de tubagens que dêem para o exterior ou para propriedades vizinhas.

Também se deve vedar todos os espaços onde as baratas possam refugiar-se. São nocturnas e refugiam-se durante o dia em fendas e cavidades das paredes, atrás de rodapés ou até atrás de tomadas eléctricas.

A forma mais eficaz de controlar as baratas é negar-lhes o acesso aos alimentos e à água.

 

- Guarde os produtos alimentares em recipientes fechados ou sacos de plástico seláveis.

- Limpe imediatamente todos os vestígios de alimentos ou líquidos que deixar cair.

- Limpe debaixo do frigorífico, fogão, etc., para remover todos os vestígios de alimentos.

- Lave imediatamente, ou arrume na máquina de lavar louça, todas as louças e todos os talheres sujos.

- À noite, guarde a comida e a água dos animais domésticos, bem com os tabuleiros das necessidades fisiológicas dos mesmos.

- Mantenha todo o lixo bem vedado em caixotes.

- Tenha cuidado com as fraldas sujas e a roupa suja.

- Não deixe líquidos na banca de cozinha ou em baldes durante a noite.

 

Para ajudar a evitar que as formigas entrem em sua casa, vede todos os possíveis acessos, como fendas e orifícios nas portas e nos caixilhos das janelas.

 

Como ver-se livre de formigas

Existe uma grande variedade de produtos comerciais para amadores, que eliminam as formigas de jardim. Já uma infestação de formigas faraó ou formigas do fogo pode exigir a intervenção de um profissional de controlo de pragas para garantir que não volta a ocorrer.

 

Controlo de formigas profissional

Os produtos comerciais para amadores podem servir para lidar com pequenos problemas de formigas de jardim, mas as infestações de maior dimensão e as múltiplas infestações, sobretudo quando se trata de formigas faraó, exigem serviços profissionais de controlo de pragas.

Os técnicos da Biograu compreendem os hábitos de cada espécie, dispõem de vários insecticidas potentes para lidar com formigas e dão garantias de erradicação total dos problemas.

Outros Rastejantes

 

Lidar com rastejantes em casa

Partilhar a casa com qualquer uma das milhares de espécies de insectos que podemos encontrar neste país nunca é divertido. Além das doenças que estão associadas a alguns rastejantes e outros intrusos casuais, ainda há que considerar os danos que eles provocam nos bens domésticos e a terrível angústia que eles podem causar nas pessoas que sofrem de herpetofobia – o medo de todos os tipos de rastejantes repelentes! – neste país.

 

Tipos de problemas com rastejantes

Há milhares de espécies diferentes de rastejantes ou outros intrusos casuais. Estes são alguns dos mais comuns:

 

Escaravelho dos Tapetes – Esta espécie existe numa variedade de formas, tamanhos e cores, mas costumam ter a forma da joaninha e cores que variam entre o preto e o castanho, havendo também os brancos e os amarelos. Os adultos costumam ter entre 2 e 3 mm de comprimento.

Os adultos não são considerados praga doméstica já que costumam viver no exterior e alimentar-se de néctar e pólen. No entanto, lá pelo fim do Verão, é muito provável que entrem na sua casa e depositem até 40 ovos de cada vez em quaisquer fibras naturais que encontrem, como cortinas e tapetes.

As larvas eclodem dos ovos no período de 2 a 3 semanas e são elas que causam todos os danos porque os seus alimentos preferidos são as fibras naturais que compõem os tapetes, os cortinados, os tecidos dos estofos e o nosso vestuário.

 

Peixinho-de-prata – Os adultos têm entre 10 e 12 mm de comprimento, cor cinzento-prateado e forma de torpedo com três cerdas no fim do abdómen. Os peixinhos-de-prata precisam de humidade e calor e encontram-se mais nas cozinhas e casas-de-banho. Alimentam-se de restos de alimentos e, embora prefiram uma dieta mais rica em amidos, já evoluíram e são agora capazes de digerir celulose, o que significa que podem causar grandes danos se os deixarem chegar a quadros ou livros.

 

Bicha-cadela – Os adultos têm entre 14 e 23 mm de comprimento, são castanhos-escuros e possuem uma pinça na extremidade traseira. As hastes da pinça, que são curvas no macho e direitas na fêmea, não são venenosas e o máximo que podem fazer é dar um pequeno beliscão. A fêmea deposita cerca de 40 ovos por ano e é ela própria que cria os mais novos, o que não é nada comum no mundo dos insectos. As bichas-cadelas alimentam-se de vegetação verde e outras plantas, pelo que são um incómodo mais no jardim do que em casa

 

 

Como manter os rastejantes afastados

A vedação de todos os pontos de entrada pode ajudar a evitar que os intrusos casuais entrem numa casa. Os pontos de maior risco são os espaços debaixo das portas e à volta de tubagens que dêem para o exterior ou para propriedades vizinhas.

 

Também se deve vedar todos os espaços onde estes insectos possam refugiar-se. Muitos destes insectos são nocturnos, como é o caso das bichas-cadelas e dos escaravelhos dos tapetes, e refugiam-se durante o dia em fendas e cavidades das paredes, atrás de rodapés ou até atrás de tomadas eléctricas.

 

Deve-se aspirar os tapetes e as carpetes regularmente para erradicar os ovos dos escaravelhos dos tapetes que possam ter sido depositados. Também se recomenda a lavagem regular dos tapetes e das carpetes com champôs próprios que contenham insecticida.

 

A principal razão que leva os insectos a entrar em sua casa é a procura de alimentos e água. Por isso, tome as seguintes medidas para garantir que não deixa nenhuns alimentos ou água ao ar:

- Guarde os produtos alimentares em recipientes fechados ou sacos de plástico seláveis.

- Limpe imediatamente todos os vestígios de alimentos ou líquidos que deixar cair.

- Limpe debaixo do frigorífico, fogão, etc., para remover todos os vestígios de alimentos.

- Lave imediatamente, ou arrume na máquina de lavar louça, todas as louças e todos os talheres sujos.

- À noite, guarde a comida e a água dos animais domésticos, bem com os tabuleiros das necessidades fisiológicas dos mesmos.

- Mantenha todo o lixo bem vedado em caixotes.

- Tenha cuidado com as fraldas sujas e a roupa suja.

- Não deixe líquidos na banca de cozinha ou em baldes durante a noite.

 

Os insectos necessitam de uma atmosfera húmida e quente para viver. Por esta e por todas as razões, mantenha as divisões da casa secas e bem ventiladas.

 

Como ver-se livre de rastejantes

Sem tratamento adequado, alguns intrusos casuais estabelecem-se em grandes números e propagam-se pelas propriedades vizinhas muito rapidamente.

No caso de uma infestação recomendamos uma meticulosa aspiração de todos os tapetes e todas as alcatifas, bem como a lavagem com um produto de limpeza próprio que contenha insecticida. Todo o vestuário, cortinados e outros tecidos da casa que apresentem sinais da infestação ou danos provocados por larvas do escaravelho dos tapetes devem ser limpos a seco.

 

Controlo de Pragas Profissional

A maior parte dos rastejantes e outros intrusos casuais são mais pragas de jardim do que de casa. Mas isso nem sempre é o caso e algumas destas pragas podem ser extremamente difíceis de controlar. Os produtos comerciais para amadores podem servir para atacar um problema de forma imediata no seu início, mas pode ser necessária a intervenção de um técnico qualificado em controlo de pragas para lidar com alguns rastejantes a longo prazo.

Os técnicos da Biograu dispõem de vários insecticidas potentes para lidar com rastejantes e outros intrusos casuais.

 

 

Controlo de Percevejos das camas

 

Proteger a sua casa e a sua família contra percevejos das camas

Os percevejos das camas estão a tornar-se um sério problema neste país e por todo o mundo.

Como se propagam-se com facilidade e é difícil eliminá-los, o número de surtos de percevejos das camas tem crescido rapidamente.

A chave para resolver este problema é aumentar a sensibilização para o que se deve procurar e para garantir um tratamento rápido do problema assim que se descobrirem percevejos das camas.

 

O impacto dos percevejos das camas

Os percevejos das camas alimentam-se de sangue humano e de sangue de outros mamíferos.

Apesar de ser possível que os percevejos das camas transmitam doenças, isso é muito raro neste país. A principal preocupação prende-se com a irritação e a angústia provocadas pelas picadas deste tipo de insectos.

As picadas de percevejos das camas não causam dor. A comichão resultante da reacção do corpo é que causa desconforto.

O tratamento das picadas acalma a irritação, mas não acaba com a angústia quando há muitas picadas, o que acontece normalmente no caso dos percevejos das camas.

Se houver várias picadas e mais contacto com percevejos das camas, isso pode levar ao aparecimento de irritações de pele com comichão ou eczemas. Consulte um farmacêutico para obter conselhos e tratamento se isto lhe acontecer.

 

Identificar percevejos das camas

Os percevejos das camas adultos têm 5 mm de comprimento. Antes de se alimentarem têm uma forma oval achatada e são de cor castanho-claro, mas tornam-se mais redondos e escuros após se alimentarem.

Saem à noite e são atraídos pelo calor dos nossos corpos e pelo dióxido de carbono do ar que expiramos.

Encontram-se geralmente nos quartos de dormir e escondem-se em fendas e rachas durante o dia.

Os abrigos mais comuns dos percevejos das camas são as costuras dos colchões, fendas nas estruturas das camas, atrás de móveis que se encontrem perto das camas (sobretudo a cabeceira) ou nos rodapés.

O surgimento de manchas escuras de excreções dos percevejos das camas nos colchões está geralmente associado a uma infestação bem implantada.

Estas infestações bem implantadas também se detectam pela existência de um cheiro desagradável proveniente das excreções dos percevejos das camas.

 

Identificar picadas de percevejos das camas

É difícil identificar a presença de percevejos das camas a partir das picadas porque os nossos corpos reagem de formas diferentes a elas.

É mais importante olhar para o padrão geral, para o momento da ocorrência das picadas e para outros factores, para determinar se as picadas se devem a percevejos das camas.

Consulte o nosso guia sobre insectos que picam e leia os nossos conselhos para tratar picadas de percevejos das camas.

 

Picadas de percevejos das camas

As picadas de percevejos das camas dificilmente acordam a vítima. Podem ocorrer em qualquer parte do corpo, mas encontram-se geralmente onde há vasos sanguíneos perto da superfície da pele.

Um único percevejos das camas pode picar várias vezes à volta da mesma área. Seja como for, a existência de picadas em partes diferentes do corpo indica que se devem a vários percevejos das camas.

 

No início de uma infestação de percevejos das camas, a vítima pode ainda não estar sensível às picadas e não sentir comichão.

Contudo, o aparecimento de pequenas marcas de sangue nos lençóis é um indicador inequívoco da presença de percevejos das camas.

 

Fontes de infestação de percevejos das camas

Os percevejos das camasentram nas habitações transportados em roupas ou no interior de móveis.

A origem mais comum de uma infestação de percevejos das camas é uma estadia num hotel que esteja infestado. Os percevejos das camas e os seus ovos fixam-se às roupas e às malas e são assim transportados para casa.

Se detectar qualquer sinal da presença de percevejos das camas quando se alojar num hotel, como marcas de sangue nos lençóis ou o aparecimento de picadas após o sono, tenha muito cuidado ao transportar os seus haveres pessoais para casa.

Contacte o gerente do hotel para avaliar o risco – poderá ser necessário lavar, fumigar ou dar outro tratamento às roupas para garantir que ficam livres de percevejos das camas.

Aplica-se o mesmo ao transporte de móveis – se houver algum risco, a Rentokil pode tratar móveis e eliminar os percevejos das camas antes de os levar para casa.

 

Cuidados para evitar a propagação dos percevejos das camas

Se tiver uma infestação de percevejos das camas em sua casa, não arrisque uma propagação levando roupas, malas ou móveis para hotéis ou casas de amigos ou familiares.

Os percevejos das camas também podem migrar para habitações adjacentes através de cavidades nas paredes ou no chão. Se tiver percevejos das camas em casa e viver num apartamento ou numa casa adjacente a outras, respeite os seus vizinhos e tome medidas imediatamente.

 

Eliminar infestações de percevejos das camas

Os percevejos das camas são uma praga muito desagradável e uma das mais difíceis de erradicar.

Elevados níveis de higiene, limpezas profundas e insecticidas comuns podem ajudar a manter a quantidade de percevejos das camas controlada, mas uma erradicação completa das infestações só se consegue com tratamento profissional.

 

Controlo de Pulgas

 

Proteger casa e família contra pulgas

As pulgas são um problema doméstico comum, especialmente quando há cães ou gatos. Também se encontram frequentemente em casas onde já existiram animais de estimação.

Apesar de ser possível que as pulgas transmitam doenças, isso é muito raro neste país. A principal preocupação é a angústia provocada pelas picadas das pulgas em pessoas e animais de estimação.

 

Conhecer as pulgas

Há muitas espécies de pulgas, mas a maior parte tem entre 2 e 3 mm de comprimento e cor vermelha ou castanha.

As pulgas adultas perfuram a pele dos mamíferos e das aves para se alimentarem de sangue. Mas as larvas alimentam-se da matéria orgânica que costuma existir em tapetes e roupa de cama, pelo que uma boa higiene pode atrasar o ciclo de vida delas.

Os casulos das pulgas podem permanecer em estado latente durante mais de dois anos e são despertados pelas vibrações causadas pelos passos das pessoas. É comum as infestações de pulgas manterem-se latentes numa casa vazia e despertarem apenas quando a casa volta a ser habitada.

 

Identificar as pulgas

 

A Pulga do Homem deu origem a outras pulgas que se especializaram noutros animais, mas a que ainda vive no homem (e noutros animais com pele semelhante) já não é comum neste país. As excepções são as explorações agropecuárias, onde a pulga do homem pode ser encontrada no porco e pode migrar para as pessoas. A pulga do homem pica em qualquer parte do corpo e provoca comichão porque rasteja sobre a pele.

 

A Pulga do Gato pica pessoas, mas não vive no corpo humano. Podem picar-nos nas mãos e no corpo quando manuseamos os animais de estimação ou os objectos onde eles dormem, mas os pontos onde costumam picar mais são os pés e as partes inferiores das pernas. Normalmente, há muito mais pulgas a viver nos tapetes e nos objectos onde os animais de estimação dormem do que nos próprios animais. Elas conseguem saltar e picar as pessoas que se aproximem.

 

 

Tratar picadas de pulgas

As picadas de pulga apresentam um ponto escuro pequeno e uma área avermelhada à volta. O inchaço provocado é menor do que nas picadas de muitos outros insectos. Uma pulga costuma picar duas ou três vezes na mesma área para procurar sangue.

A picada de pulga sente-se imediatamente, mas não é particularmente dolorosa. A comichão resultante da reacção do corpo é que causa desconforto. Consulte a nossa secção tratar picadas de insectos para obter mais conselhos.

As crianças estão mais sujeitas a serem picadas por pulgas, sobretudo quando brincam no chão. Também costumam ser mais sensíveis às picadas de pulgas do que os adultos.

Após várias picadas de pulga, algumas pessoas desenvolvem uma sensibilidade alérgica que pode fazer com que novas picadas resultem em eczemas ou erupções cutâneas com comichão. Consulte um farmacêutico para obter conselhos e tratamento.

As pulgas podem causar muita angústia nas pessoas, mas o facto é que os animais de estimação são muito mais afectados pelas picadas delas.

 

Proteger animais de estimação contra pulgas

Mesmo com os melhores cuidados, é difícil proteger cães e gatos totalmente contra o risco de contraírem pulgas.

Se o seu animal de estimação tiver pulgas, é provável que o veja a coçar-se mais frequentemente ou a tentar morder as pulgas no pêlo. Um pente especial para remover pulgas e cuidados de higiene frequentes podem ser o suficiente para impedir que as pulgas se estabeleçam, mas há outros tratamentos que podem protegê-los contra pulgas e que qualquer veterinário ou loja de artigos para animais de estimação lhe pode recomendar.

Consulte um veterinário se observar sinais de irritação no seu animal de estimação, como vermelhidão na pele ou zonas com menos pêlo.

 

Como ver-se livre de pulgas

Se tem animais de estimação, é essencial impedir que as pulgas se instalem nos tapetes a na roupa de cama:

- Aspire os tapetes e os objectos onde os animais de estimação dormem para remover as pulgas e os ovos delas. Utilize o aspirador na máxima sucção possível que não danifique os tecidos. Tenha cuidado quando abrir o saco do aspirador, pois as pulgas ainda estarão vivas.

- Leve os tapetes e os objectos onde os animais de estimação dormem para o exterior e sacuda-os para que as pulgas e os ovos delas caiam.

- Lave os objectos onde os animais de estimação dormem, como cobertores ou mantas, todas as semanas e de preferência acima de 50 °C para matar as pulgas.

- Tenha cuidado quando transportar roupas de cama, tapetes, etc., para evitar espalhar os ovos das pulgas.

Considere colocar as camas dos animais de estimação em locais sem tapetes ou carpetes, como o simples chão em madeira.

 

 

Uma pequena infestação de pulgas pode ser tratada com spray mata-insectos ou mata-pulgas nas áreas afectadas.

Uma infestação de pulgas mais implantada pode ter-se espalhado por toda a casa e requerer tratamento profissional.

 

Co-financiamento

© 2014 - 2016  A Biograu rege-se pelas condições constantes da Declaração Legal.

Os nome Biograu® é marca registada.

| Acessibilidade | Política de Cookies | Política de Privacidade | Declaração Legal |

Made by | inforServ.net